domingo, 30 de agosto de 2009

Vaticano Pró-Morte

Através de uma pesquisa no Google, inspirada por este excelente vídeo:

Fiquei sabendo de mais um absurdo católico que até então eu ignorava. Todos já estão cansados da hipocrisia da proibição do uso de preservativos, até mesmo entre casais casados, onde um dos parceiros é portador do vírus HIV.

Pois bem, o Vaticano, em 2001-2002 decidiu PROIBIR O USO de diversas vacinas contra doenças como varíola, sarampo, caxumba, rubéola, hepatite, raiva e catapora. A justificativa é que tais vacinas são elaboradas com a utilização de culturas de fibroblastos obtidos do pulmão de um feto abortado em 1966!!!

Por esse motivo, o vaticano, em sua FALSA postura pró-vida é contra a prevenção de diversas doenças que levam à MORTE.

Bem típico. VATICANO = PRÓ-MORTE.

1 Comentários:

Blogger Dr. Roger Abdelmassih disse...

Realmente, um absurdo!!

Nós, os bastiões V.I.P. da classe médica devemos enfatizar para o uso corrteo de tais métodos de barreira. Considero a questão tão importante que, em minha clínica, dou aulas práticas para as pacientes interessadas.

31 de agosto de 2009 15:27  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial